4 simples passos para superar uma CRISE DE ANSIEDADE | Me Apaixonei

4 simples passos para superar uma CRISE DE ANSIEDADE

115
0
Compartilhe:
Compartilhe esse post:

Foto: https://unsplash.com/photos/vCzh1jOyre8

Uma crise de ansiedade aparece de repente, sem aviso prévio. Ela pode nos encontrar na empresa, na faculdade, na rua ou quando estamos sozinhos.

Entre os sintomas que podemos notar em uma crise de ansiedade estão: palpitações, sudorese, tremores, sensações de falta de ar, tontura e sensação de irrealidade. Nas crises, um ou mais dos sintomas descritos podem ocorrer.

A primeira vez que uma crise ocorre é devido a um grau prolongado de estresse e medo. A mente chega a um ponto que precisa liberar toda essa tensão, e é por isso que a terrível crise de ansiedade ocorre.

Existem pessoas que tendem a sofrer de mais sintomas digestivos, como náusea ou desconforto abdominal, enquanto outras reagem com sintomas cardio-respiratórios: palpitações, falta de ar ou tontura.

Depois de sofrer uma crise de ansiedade, sua mente e seu corpo reagirão da mesma maneira em situações semelhantes em que os níveis de estresse são semelhantes. O estresse controlará sua mente, e sua mente controlará seu corpo.

Quando somos expostos a altos níveis de ansiedade, tudo muda, a respiração se torna superficial, os músculos ficam tensos, o coração acelera devido à falta de oxigênio e, em seguida, ocorre a sensação de tontura.

A respiração rápida ou profunda é o primeiro sintoma do início de uma crise de ansiedade.

Dentro de um ataque de ansiedade, a respiração rápida ou profunda se torna cada vez mais intensa. Quando percebemos esses sintomas, reagimos com medo, pensamos que algo ruim vai acontecer conosco, por exemplo: que vamos desmaiar, vamos perder o controle de nosso corpo ou até pensar que vamos morrer.

E é nesse momento que você começa a sofrer um ataque de pânico…

VEJA TAMBÉM: 9 IDEIAS DE COMO PRATICAR O AUTO-CUIDADO E REDUZIR A ANSIEDADE NO SEU DIA

O que fazer em meio à uma crise de ansiedade

Esteja você sozinho, acompanhado ou entre pessoas desconhecidas, o primeiro passo é manter a calma. Nada vai acontecer com você.

Você NÃO desmaiará, NÃO perderá o controle do seu corpo e NÃO sofrerá um ataque cardíaco. Seu corpo está apenas tenso, o que você está percebendo é apenas a tensão causada por sua mente. Quando a crise de ansiedade chegar, siga as etapas abaixo:

1. Encontre um lugar para se sentar.

Se você estiver em casa, sente-se no sofá, por exemplo, e se estiver fora de casa, procure um lugar tranquilo onde possa se sentar; se não o encontrar, faça-o no chão, não importa.

2. Feche os olhos.

Esqueça tudo que está em sua volta e tente não prestar atenção nos estímulos externos. Você só precisa se concentrar naquele momento.

3. Respire lentamente.

Assuma o controle de sua respiração. Isso irá te ajudar a relaxar.

4. Pense que tudo isso passará.

Nada vai acontecer com você. Pense positivo.

Essas são as ferramentas mais básicas para controlar uma crise repentina de ansiedade. Elas te ajudarão a superar essa crise no menor tempo possível.

Este protocolo de ação deve ser seguido para recuperar o controle de sua mente e, portanto, de seu corpo.

É muito comum sentir medo depois que a crise de ansiedade passar. Devemos controlar isso, pois esse medo é o que nos tornará mais propensos a sofrer um ataque de ansiedade novamente.

É aconselhável procurar um profissional (psicólogo) para tratar esse estresse e os medos que produzem a ansiedade, e não faria mal aprender e executar técnicas de relaxamento que nos ajudem a reduzir nossos níveis de estresse e ansiedade.

VEJA TAMBÉM:

11 coisas que você deve parar de dizer a si mesmo(a) se quiser diminuir a sua ANSIEDADE

Compartilhe esse post:
Hospedagem de Sites e Blogs

Deixe seu comentário: