8 coisas para experimentar ANTES DE DESISTIR do seu casamento | Me Apaixonei

8 coisas para experimentar ANTES DE DESISTIR do seu casamento

79
0
Compartilhe:
Compartilhe esse post:

Foto: https://unsplash.com/photos/zn1RB3SH-RQ

Marcos e Gabriela, ambos com quarenta e tantos anos e casados ​​há quinze, estão considerando o divórcio. “Estou farta deste casamento”, reclama Gabriela. “Não me sinto amada e sou rejeitada pelo Marcos, não temos uma conexão emocional e raramente fazemos sexo.”

Marcos diz assim: “Gabriela ama os filhos mais do que eu e está sempre me atacando. Continue ameaçando terminar o relacionamento, e essa pode ser a melhor opção. ”

Muitos casais como Marcos e Gabriela estão prontos para jogar a toalha e querem soluções rápidas para salvar o casamento. Na verdade, esse é um problema comum, mas as soluções nunca são fáceis.

Uma mudança radical na mentalidade

A boa notícia é que, se você estiver disposto a colocar a mão na massa para salvar seu casamento, há muitas coisas que você pode fazer para dar um novo começo. Quebrar o ciclo de uma dinâmica de relacionamento infeliz exige uma mudança radical de mentalidade.

Assumir a responsabilidade por sua parte no conflito é um ótimo ponto de partida. A capacidade de uma pessoa para fazer isso pode mudar toda a dinâmica do relacionamento.

Estudos apontam que a razão mais comum pela qual os casais desenvolvem sérias dificuldades é que um ou os dois membros do casal se retirem devido a sentimentos de dor, raiva e ressentimento.

Em um estudo recente de 14.000 participantes, o Dr. Paul Schrodt descobriu que as mulheres eram geralmente (mas nem sempre) as que exigiam ou perseguiam e os homens tendiam a se afastar ou se distanciar.

Pare o jogo da culpa

Muitos casais jogam o jogo da culpa, o que leva a uma dança de perseguição e estranhamento que faz com que um dos parceiros persiga o outro.

Depois de um tempo, eles não abordam mais o assunto em questão e entram em um círculo vicioso de ressentimento, frustração e raiva.

A especialista em relacionamento Dra. Harriet Lerner explica que a receita para o fracasso em um casamento é esperar que a outra pessoa mude.

Em vez de desistir do casamento, os casais precisam se inclinar um para o outro. Ela escreve: “É o casal insatisfeito que geralmente é motivado a mudar. Se você não realizar nenhuma nova ação em seu nome, ninguém mais fará isso por você.”

Embora seja natural querer desistir quando seu parceiro se distancia, reagir amplia a lacuna entre você e seu parceiro.

Em vez disso, assuma a responsabilidade de aquecer as coisas e aumentar o reforço positivo. Você pode dizer coisas como: “Você limpou muito bem a cozinha hoje”, que destaca as qualidades positivas de seu parceiro e as coisas que você admira nele.

Praticar o elogio pode os ajudar a permanecerem conectados, apesar de suas diferenças.

Aqui estão as 8 coisas para experimentar ANTES DE DESISTIR do seu casamento:

1. Critique sem culpar

Você desenvolveu o hábito de criticar seu parceiro? Falar sobre tópicos específicos obterá melhores resultados do que atacar seu parceiro.

Por exemplo, uma queixa é: “Fiquei preocupado quando você não me ligou. Concordamos em nos comunicar quando um dos dois chegasse atrasado. Diante de uma crítica: “Você nunca faz isso, é tão egoísta”.

2. Resolvam os conflitos

Não deixe de lado ressentimentos que podem destruir seu relacionamento. 69% dos conflitos em um casamento nunca são resolvidos, portanto o foco deve ser lidar com eles com sucesso.

Resolver os desacordos em vez de evitá-los é fundamental, porque os casais que os evitam correm o risco de desenvolver relacionamentos estagnados.

VEJA TAMBÉM: 5 PERGUNTAS QUE AJUDARÃO A MELHORAR IMEDIATAMENTE SEU CASAMENTO

3. Mantenha o foco no assunto em questão

Pergunte a si mesmo: O que estou tentando alcançar? Evite insultos e não ataque seu parceiro pessoalmente.

Lembre-se de que a raiva geralmente é um sintoma de dor, medo e frustração. Portanto, faça perguntas mais profundas para entender a necessidade que seu parceiro está procurando.

Evite ficar na defensiva e mostrar desprezo pelo seu parceiro (revirar os olhos, ironia, insultos, sarcasmo, etc.).

4. Aumente a afeição física

Dar as mãos, abraçar e tocar pode liberar a ocitocina (o hormônio de ligação) que causa uma sensação de calma.

Estudos mostram que ele é liberado durante o orgasmo sexual e o toque emocional também. O afeto físico também reduz os hormônios do estresse.

5. Demonstre amor e admiração

Lembre-se das qualidades positivas de seu parceiro, mesmo diante de suas diferenças e expresse seus sentimentos positivos em voz alta várias vezes ao dia.

Encontre pontos em comum em vez de insistir em seguir o seu caminho quando tiver um desacordo. Ouça o ponto de vista dele(a) e evite se isolar da comunicação.

VEJA TAMBÉM: 10 SEGREDOS PARA CONTINUAR NA “FASE DA LUA-DE-MEL” NO CASAMENTO!

6. Invista tempo com seu parceiro diariamente

Tente uma variedade de atividades que proporcionam prazer a ambos. Adote uma nova maneira de estruturar sua conversa: “Como foi o seu dia, querido(a)?”, de maneira a mostrar empatia, expressar compreensão e validar emoções.

Sentir que seu parceiro está do seu lado pode te ajudar a manter um vínculo profundo e significativo.

7. Comunique-se honestamente sobre os principais problemas do seu relacionamento

Certifique-se de ser honesto(a) sobre suas preocupações e expressar seus pensamentos, sentimentos e desejos de maneira respeitosa.

O ressentimento pode se acumular quando os casais varrem as coisas para debaixo do tapete; portanto, fique vulnerável e não esconda sentimentos negativos.

8. Pratique o perdão

Perdoar não é o mesmo que aprovar ações prejudiciais, mas permitirá que você siga em frente. Tente lembrar que vocês estão no mesmo time.

É compreensível que você se sinta magoado(a), frustrado(a), ressentido(a) ou rejeitado(a) se perceber que seu parceiro se afastou do seu casamento.

Na próxima vez que você discordar dele(a), pare de questionar suas reações e examine suas próprias respostas. Em vez de fechar ou se tornar crítico(a), adote uma mentalidade inteligente e trabalhe em maneiras de reparar seu relacionamento e redirecioná-lo.

VEJA TAMBÉM:

25 jeitos de tocar seu cônjuge de uma maneira inesquecível (que farão muito bem pro seu casamento)

Compartilhe esse post:
Hospedagem de Sites e Blogs

Deixe seu comentário: