Pular para o conteúdo

Não se chega na paz, ela já está em você

Compartilhe:

E aí você entende que amor próprio você não adquire, mas que você conquista, dia após dia.
Que se amar é um processo diário, constante, que requer muito esforço e paciência.
Entende que tudo na nossa vida depende da importância que você dá, e que as pessoas só vão nos machucar, se nós permitirmos que assim elas o façam.
Elas só fazem conosco, aquilo que as deixamos fazer.

Entende que o autoconhecimento é a coisa mais importante que você pode aprender, porque é a partir dele que você entende quem você é, como você é, o que você gosta, e o mais importante: o que você merece.
Entende que inteligência emocional não é algo que aprendemos na sala de aula, mas é algo que devemos trabalhar para ter na vida.
Entende que a felicidade não é o resultado final, mas é a consequência. A felicidade está na caminhada, não na chegada.
Entende que somos donos da vida que queremos ter, basta sairmos da nossa zona de conforto, e nos transformarmos em nossas melhores versões.

E aí você entende que a solução dos problemas não é se esquecer deles, porque quando você esquece, você se torna preguiçoso de saber o que precisa melhorar. A solução dos problemas é justamente lembrar-se deles, e entender o que deve ser feito de diferente numa próxima vez, o que você pode fazer para arrumá-los.

Entendemos que é justamente na fronteira daquilo que somos que conhecemos nossa capacidade de ir além, porque é somente quando caímos, que aprendemos a nos levantar.
Entende que temos o poder de criar e desenvolver formas para que possamos nos sentir confortáveis com nossas próprias escolhas, basta termos autodisciplina suficiente para lidarmos com elas.
E aí você entende o que significa resiliência, e a importância dela para o nosso caminho, independente de qual for, porque é justamente no “atravessar” que nós crescemos.

Entende que você é o seu bem mais precioso, e que se você não cuidar de si mesma, não pode esperar que alguém o faça, e entende que priorizar quem te prioriza, é libertador.
Entende que se tivesse a maturidade que tem hoje, provavelmente não teria cometido tantos erros, mas que se não fosse por todos esses erros, provavelmente você não teria a maturidade que tem hoje.
Entende que quando você nutre uma boa autoestima, começa a enxergar com muito mais honestidade as partes negativas de si mesma, e passa a agir a fim de se aprimorar, a fim de se tornar a sua melhor versão.
Entende que a vida é uma só, e se você não vivê-la agora, ninguém fará isso por você.

Boa parte das suas dores serão amenizadas, se você aprender a entender cada uma delas.
É como já diz uma das minhas músicas favoritas “não se chega na paz, ela já está em você”.
Permita-se, ame-se, cuide-se e trate-se com carinho.
Juro, é libertador.

Diandra Ferracini

VEJA TAMBÉM:

O QUE FAZER PARA RESGATAR SEU AMOR PRÓPRIO? 13 COISAS PARA COLOCAR EM PRÁTICA!

PRECISAMOS SABER E ACREDITAR PLENAMENTE QUE ALGO MELHOR ESTÁ VINDO EM NOSSA DIREÇÃO.

30 PROVAS DE QUE VOCÊ TEM SE TORNADO MAIS MADURO

7 ATIVIDADES PARA VOCÊ SE MOTIVAR E MELHORAR SEU ESTADO DE ESPÍRITO

Compartilhe: