Como sair de uma relação que não está dando certo? 7 passos simples | Me Apaixonei

Como sair de uma relação que não está dando certo? 7 passos simples

97
0
Compartilhe:
Compartilhe esse post:

https://unsplash.com/photos/CLSRxisaf7E

Como sair de uma relação que não está dando certo? Embora muitas pessoas certamente já enfrentaram uma situação dessas, com certeza não é uma tarefa simples.

Os relacionamentos são complicados por si sós e frequentemente nos colocam em situações que exigem que tomemos decisões — às vezes muito dolorosas.

Neste artigo, você encontrará 7 passos sobre como sair de um relacionamento que não está dando certo. Com certeza esse não é um guia para todos os casos, mas sim um pequeno suporte a ser seguido caso você tenha que enfrentar essa situação um dia.

Como sair de uma relação que não está dando certo

1. Pergunte a si mesmo o que você realmente quer

Antes de descobrir como sair de uma relação que não está dando certo, é conveniente ter mais certeza dessa decisão. Embora seja verdade que na maioria das vezes, quando deixamos alguém, não temos 100% de certeza, muitas vezes o que sabemos é que não queremos continuar assim. Portanto, antes de decidir qualquer coisa, pense bem no que você quer de sua vida.

Para isso, execute este pequeno exercício: Visualize-se em alguns anos… você se vê com essa pessoa? É realmente o futuro que você quer?

Essas perguntas não têm uma resposta fácil, mas devemos tentar pensar no que queremos, sem deixar que o medo da solidão ou da dependência influencie em nossa decisão.

2. Analise sua situação atual

Para conhecer exatamente o que queremos em nossa vida (ou algo que se aproxime disso…), devemos analisar nossa situação atual, neste caso, com nosso parceiro. Estamos felizes com ele?

Ou, pelo contrário, vivemos sempre esperando que algo mude? É normal passar por estágios de dúvidas em qualquer área de nossa vida, não apenas com nosso parceiro. No entanto, não é saudável quando essas dúvidas nos bloqueiam e se prolongam no tempo.

Reflita: há algo de errado se você pensa mais no que te falta do que no que você tem… será que o que você tem realmente te faz feliz? Você não deve ter medo de enfrentar esse sentimento.

Por outro lado, se depois de analisar a situação atual com seu parceiro (como você se sente com ele, o que sente falta, se está realmente feliz, se compensa o relacionamento ou se sofre mais do que se sente feliz, etc.), percebe que algo falhou por muito tempo (algo que talvez você já tenha tentado resolver, sem sucesso), é hora de agir.

ESTE ARTIGO PODE TE AJUDAR: [TESTE] SEU RELACIONAMENTO É SAUDÁVEL? FAÇA O TESTE E DESCUBRA!

3. Tome uma decisão

Se, depois de passar pela etapa anterior, você perceber que realmente a situação atual com o seu parceiro não é o que você deseja, nesse ponto você pode tomar duas direções: continuar no relacionamento e lutar para mudar as coisas ( na maioria das vezes não funciona) ou terminar o relacionamento.

A segunda opção é certamente a mais difícil de tomar, mas também a mais libertadora, caso você se encontre em um relacionamento que não está te fazendo realmente feliz.

4. Seja firme com sua decisão

Bem, você tomou a decisão de terminar o relacionamento, mas agora é a parte mais difícil… continuar assim.

Nesta etapa, propomos que você seja firme em sua decisão, principalmente nos primeiros momentos, quando tudo é mais recente e você está certamente mais emocionalmente vulnerável.

“E se eu estiver errado?”

Se após os primeiros dias (ou semanas, tudo depende da pessoa …) você não tiver certeza de ter escolhido o caminho certo, reconsidere e reflita sobre sua decisão.

Não se culpe por isso… como seres imperfeitos que somos (graças a Deus!), muitas vezes erramos em nossas decisões mas nunca é tarde para corrigir. Mude de direção, se sentir que vale a pena.

5. Retome sua vida

E agora, o que fazer? Comece a retomar sua vida. Você tomou a decisão de terminar o relacionamento e seguiu firme com sua decisão, agora é hora de recuperar as rédeas da sua vida.

Os términos são geralmente dolorosos. Então, primeiro, você terá que assumir que a dor estará lá (pelo menos no começo) e que você deverá enfrentá-la.

Não precisamos nos esconder ou nos reprimir… estamos feridos, mas temos que continuar em frente. Portanto, tente voltar à sua rotina e à sua vida, concentre-se nela, mas também procure atividades que te motivem e “te tirem” um pouco da vida cotidiana — saia com os amigos, faça uma viagem, pratique algum esporte, invista em um curso de idiomas!

O objetivo não é evitar a dor, ou não enfrentá-la, mas se manter ativo, para recuperar gradualmente uma sensação de calma e normalidade.

6. Seja flexível consigo mesmo

O sexto passo sobre como sair de uma relação que não está dando certo é o seguinte: seja flexível consigo mesmo. Isso significa que você não deve se culpar pelo que aconteceu.

Ser flexível também significa dar-se momentos para descarregar essa tristeza, esses nervos ou essa ansiedade… Ou seja, dar a si mesmo “permissão” para ficar triste, ter momentos de fraqueza… É provável que, em certos momentos, suas dúvidas voltem: “Será que eu tomei mesmo a decisão certa?”

É normal que esses sentimentos apareçam de tempos em tempos, mas pense que o que você decidiu por algum motivo, que existe, e que não existem decisões certas ou erradas, apenas pessoas que, tentando ser felizes, fazem de tudo para dar certo.

7. Tome cuidado e leia este passo com atenção!

Após seguir todas etapas anteriores, se você se encontrar nesse ponto, uma dica muito importante é cuidar de si mesmo e se mimar, além de dar-lhe espaços e momentos para se fortalecer.

Muitas pessoas passam por um término de relacionamento e, embora esse possa ser um momento muito difícil e complicado, a estrada se torna mais agradável se cuidarmos de nós mesmos, fazendo coisas que gostamos, comendo e dormindo bem, praticando algum esporte, investindo em tempo de qualidade com familiares e amigos.

Além disso, cuidar de si também significa se ouvir. Escute seu corpo e seu humor: o que realmente você quer? Você está descansando o suficiente? Você está se amando da maneira que merece?

Tudo o que está comprometido com o nosso bem-estar, físico e mental, envolverá pequenos passos em direção à nossa recuperação e cura.

Não se esqueça que tudo tem um começo, meio e fim e é por isso que é importante aproveitar o presente sem desejar o passado ou planejar demais o futuro, pois a única coisa que existe é o HOJE.

VEJA TAMBÉM:

Quando chega a hora de finalmente deixar ir depois de um término

Compartilhe esse post:
Hospedagem de Sites e Blogs

Deixe seu comentário: