O que se deve comer à noite para evitar ganho de peso?

763
0
Compartilhe:
Compartilhe esse post:

Uma das principais dúvidas que podem surgir é o que comer à noite para evitar ganho de peso, já que é comum que muitas dietas sejam mais restritas ao final do dia.

Pensando nisso, descubra agora mesmo porque o cuidado deve ser ainda maior e quais as melhores opções para adicionar ao seu prato.

Vamos lá?

Porque é preciso ter cuidado com o que come a noite?

Photo by Josh Couch on Unsplash

Para começar, você precisa ter em mente que o seu estômago funciona, basicamente, como um motor de carro.

Neste cenário, vai direcionando a energia necessária de acordo com uma série de fatores.

De maneira simples, sempre que você come alguma coisa, o seu corpo entra em um estado de repouso, para conseguir fazer a digestão.

Durante esse período, o metabolismo pode ficar mais lento e um grande fluxo sanguíneo é direcionada para a região do abdômen.

Justamente por isso, é comum sentir sono após as refeições, já que o seu corpo tem como foco digerir os alimentos ao invés de dar uma descarga de adrenalina.

O mesmo acontece quando você vai dormir.

Entretanto, sempre que você come uma quantidade grande de alimentos e, logo em seguida, vai dormir, o seu metabolismo já está lento, mas agora também está “cheio”.

Devido a essa sobrecarga, o estômago tem maior dificuldade em metabolizar tudo o que foi ingerido e tenta poupar o máximo de energia possível.

Isso significa que, como forma de manter o estado de sono e recuperação, o seu estômago absorve uma quantidade maior do que está no sistema, gerando um aumento do tecido adiposo.

Ou seja, você acaba engordando porque o seu metabolismo já está lento e o seu estômago absorve a maior parte do que foi consumido nas últimas horas.

O que comer a noite para evitar ganho de peso

Seguindo essa linha, a primeira coisa que você precisa ter em mente quando o assunto é alimentação noturna são os horários.

Photo by Pablo Merchán Montes on Unsplash

Em geral, o estômago leva, em média, de duas a 4 horas para digerir alimentos comuns, como carboidratos e proteínas.

Já no caso das gorduras, a digestão total pode levar até oito horas.

Logo, você deve escolher os alimentos sempre pensando nessa janela, para não ir dormir com a “barriga cheia”.

Frequentemente, o ideal para não ganhar peso, é comer, ao menos, três horas antes de se deitar.

Já os alimentos mais indicados para esse período incluem:

Proteínas:

Os alimentos ricos em proteínas, como as carnes, devem ser consumidos em torno de quatro horas antes de dormir.

Esse tipo de alimento é recomendado porque ajuda a manter a saúde muscular e evita que você perca massa magra.

Geralmente, são recomendadas porções pequenas e que não possuam gorduras, como filés de frango e carne bovina ou mesmo ovos cozidos.

Legumes e verduras:

Os legumes e verduras são as melhores opções de alimentos para serem consumidos a noite, já que são pobres em gorduras e carboidratos, mas causam a sensação de saciedade e são ricos em nutrientes.

Desse modo, prepare uma porção grande de folhosos, como alface e rúcula, adicione tomates e uma porção de legumes, como batata doce ou cenouras cozidas.

A dica é sempre preparar um prato de legumes e verduras, começando o consumo por essas opções.

Photo by Iñigo De la Maza on Unsplash

Aos poucos, você vai se sentir cheia com mais facilidade e passará a evitar a alimentação gordurosa.

Porção de frutas:

As porções de frutas são ideias para comer antes de dormir, como um lanchinho, para matar a fome entre o jantar e a hora de ir se deitar.

Geralmente, esses alimentos matam a vontade por doces e são pobres em carboidratos e ricas em água, o que melhora a hidratação dos tecidos.

Para ter resultados ainda melhores, a dica é preferir as frutas ricas em antioxidantes, que melhoram a saúde da pele e alavanca a eliminação de toxinas.

Exemplo disso são as frutas de tons vermelhos, como acerola, blueberry, amoras, morangos, cerejas e tomates.

Queijos magros:

Para não ganhar peso à noite, uma dica de alimentação é fazer um pequeno lanche com queijos magros, que podem ser acompanhados de uma porção de legumes crus ou cozidos bem como de proteínas.

Sempre quando usado com moderação, o queijo permite que o corpo absorva uma série de nutrientes, como o triptofano e caseína, além de alguns estudos que mostram que é possível acelerar o metabolismo.

Amêndoas:

As amêndoas são alimentos ricos em gorduras boas, que podem ser consumidas em moderação a noite, assim como as nozes.

Na maior parte das vezes, esses alimentos podem ser colocados em meio a receitas ou consumidos crus, como um lanchinho, já que causam à saciedade.

Iogurtes e integrais:
Para finalizar essa lista, uma dica de o que incluir na alimentação antes de dormir para não ganhar peso são as opções integrais e iogurtes.

A vantagens dos integrais é que são absorvidos mais lentamente, o que evita a sobrecarga interna e causa a sensação de saciedade.

Iogurtes e integrais:

Para finalizar essa lista, uma dica de o que incluir na alimentação antes de dormir para não ganhar peso são as opções integrais e iogurtes.

A vantagens dos integrais é que são absorvidos mais lentamente, o que evita a sobrecarga interna e causa a sensação de saciedade.

Photo by Joanna Kosinska on Unsplash

Já os iogurtes, melhoram o fluxo intestinal e são ótimas opções de lanches pobres em gorduras.

Como montar o seu jantar ou lanche

Existem algumas dicas de pratos para compor a última refeição do seu dia ou mesmo o lanche noturno para matar a fome, sendo eles:

  • Uma porção de legumes cozidos com tomates;
  • Um filé de frango com folhas verdes à vontade;
  • Filé de carne bovina com duas colheres de arroz integral e uma rodela de abacaxi;
  • Uma porção de dez unidades de amêndoas ou nozes de sua preferência;
  • Um copo de iogurte natural ou desnatado com frutas vermelhas;
  • Uma fruta amassada ou iogurte natural com chia ou linhaça;
  • Uma porção de filé de carne grelhado com rolinhos de queijo.

Dica: sempre prepare as carnes grelhadas ou assadas sem adição de óleo. Caso seja necessário, use fios de azeite.

Depois de conhecer as opções de alimentos que podem salvar a sua dieta a noite, já montou o seu cardápio?

Não perca mais tempo e faça agora as suas escolhas da semana e não se esqueça de compartilhar os resultados aqui nos comentários.

Até o próximo post!

VEJA TAMBÉM:

Compartilhe esse post: