Como fazer as pazes após uma briga? | Me Apaixonei

Como fazer as pazes após uma briga?

2140
1
Compartilhe:

Ninguém é perfeito. Às vezes, brigas acontecem mesmo nos relacionamentos mais fortes e felizes. Existem passos que você pode seguir para fazer as pazes com essa pessoa. O objetivo principal é sempre o mesmo: mostrar para o outro que você está arrependido e o quanto ele significa para você.

Siga essas dicas que nós do Blog Me Apaixonei trouxemos para você e seja feliz:

 

Assumindo o estado mental apropriado

1- Espere para conversar. Embora você já possa ter ouvido várias vezes o ditado “Nunca vá para a cama com raiva”, às vezes, é melhor esperar para conversar. Se você tentar falar com a outra pessoa enquanto um de vocês ainda estiver com raiva, nenhum dos dois estará disposto a ouvir.
2- Controle seus impulsos. É perfeitamente normal se sentir chateado com a outra pessoa depois de uma discussão e também pode ser natural sentir vontade de prejudicá-la de alguma forma, como atacando-a com comentários sarcásticos ou maldosos ou apontando seus defeitos. No entanto, estas atitudes não são construtivas e devem ser evitadas quando você estiver tentando fazer as pazes.
3- Retire seus sentimentos do problema. A forma como você se sentiu sobre o motivo da briga é diferente da questão que iniciou a discussão. Mantê-las separadas em sua mente permitirá que você seja honesto com suas emoções e ainda tenha uma conversa produtiva sobre o que aconteceu.
4- Evite descontar nos sentimentos da outra pessoa. Não desconte nos sentimentos, dizendo coisas como, “você não deveria ter se sentido assim”, ou, “isso não está certo”. Aceite a forma como a outra pessoa se sentiu.
5- Não tente adivinhar o que a outra pessoa está pensando. Conforme estiver se preparando para abordar a outra pessoa para fazer as pazes, não suponha que sabe como ela se sente em relação à briga. Tente abordar a questão sem ideias preconcebidas e não tente “ler nas entrelinhas” quando ela estiver falando.

Falando com a outra pessoa

1- Marque uma hora para encontrá-la, se possível. É importante que vocês falem pessoalmente. Embora a estatística de que 90% da comunicação humana seja feita de forma não-verbal não seja exatamente verdadeira, os sinais não-verbais desempenham um grande papel na forma como interpretamos as palavras e ações uns dos outros.

Falar pessoalmente com a outra pessoa ajuda bastante, pois você poderá esclarecer o que está dizendo e ficar atento à forma como ela está respondendo.

2- Apresente seu convite como uma oferta, não como uma exigência.Seu parceiro não deve se sentir obrigado a falar com você. Ao invés disso, expresse sua insatisfação com a briga e convide-o para expressar seus sentimentos em uma conversa.

3- Dê espaço para ela falar. Embora você queira expressar seus sentimentos em relação à briga, você também deve garantir que a outra pessoa se sinta ouvida. Ofereça espaço para ela compartilhar suas percepções sobre a discussão.
4- Ouça o que a outra pessoa tem a dizer. Se seus sentimentos foram feridos durante a discussão, expresse isso. No entanto, primeiramente, você deverá ouvir o que a outra pessoa quer dizer. Ouvir demonstra que você valoriza os sentimentos dela.
5- Expresse empatia pela outra pessoa. Quando estiver pedindo desculpas, reconheça os sentimentos do outro. Isto é muito importante para que a outra pessoa perceba que você está sendo sincero e demonstra que está tentando imaginar as consequências das suas ações e que se preocupa com elas.

Preservando o relacionamento

1- Sugira uma atividade agradável para vocês fazerem juntos. Depois de pedir desculpas, sugira algo que possam fazer juntos. Isto demonstrará que você está comprometido com este relacionamento e que quer fazer com que a outra pessoa se sinta valorizada e feliz. Se possível, realize uma atividade que seja pessoalmente significativa para vocês dois.

2- Converse sobre o motivo da briga. Quando já tiver pedido desculpas e estiver de bem com a outra pessoa, poderá ser útil conversar sobre o que desencadeou a briga. Normalmente, as brigas ocorrem por problemas ocultos maiores que, se não forem resolvidos, poderão continuar a causar desconfortos no seu relacionamento.

3- Priorize a comunicação. Brigas acontecem às vezes, mas valorizar uma comunicação clara poderá ajudar a reduzir a frequência das discussões e a fazer com que seja mais fácil ficar de bem. Converse abertamente sobre seus sentimentos com a outra pessoa e peça para ela fazer o mesmo.

4- Entenda que um certo grau de conflito é normal. Todos os relacionamentos envolvem a convivência com uma pessoa diferente de você. Sendo assim, às vezes, um certo grau de conflito é natural. O importante é não ignorar este conflito ou fingir que ele não existe, mas lidar com ele.

Esse post te ajudou? Compartilhe com seus amigos! 🙂

Via WikiHow

Hospedagem de Sites e Blogs

Deixe seu comentário: