Sete bilhões de pessoas no mundo, e é você quem me fascina | MeApaixonei.com.br

Sete bilhões de pessoas no mundo, e é você quem me fascina

208
0
Compartilhe:
Compartilhe esse post:

https://unsplash.com/photos/fkoC5fOS1MA

Posso às vezes fingir que você não vive mais em mim e que nada quero de ti.

Posso às vezes me fazer de dura, intransigente e impaciente contigo. Um pouco distraída e desinteressada.

Posso às vezes fingir que nada mais sei sobre ti. Que não sei mais o teu endereço, o teu número de celular, até a data do teu aniversário.

Posso às vezes fingir que não me importo. Que você é mais um dos sete bilhões no mundo, e a tua existência não faz diferença para mim.

Engano meu! Não sei pra quê mentir a mim mesma!

Como não morar mais aqui se os tijolos da tua história você guardou na minha vida?!

Como não viver mais aqui se você construiu um Império em mim e existe um edifício no meu coração, chamado VOCÊ e NÓS?!

O teu número pode até ser fácil apagar do meu celular, mas sempre ficará decorado no meu coração.

Como esquecer o teu endereço se os compartimentos da tua casa conhecem perfeitamente as minhas roupas e o meu cheiro. Os meus passos e os meus cabelos. A tua casa conhece a minha beleza e conhece os nossos segredos — ai, se ela falasse!

Me diz então como esquecer a tua data de aniversário quando ela representa a tua existência, e a tua existência é minha outra essência?!

VEJA TAMBÉM: 20 hábitos de CASAIS FELIZES que todos nós deveríamos ter

Envie seu texto!

Me diz como te esquecer se todos os tesouros da minha vida estão em ti? Por favor, me diz!

Eu ainda me importo, sim. Você ainda vive aqui.

Sete bilhões de pessoas no mundo, e é você quem me fascina. Nem o tempo, nem a distância, nem a incerteza conseguiram mudar o teu lugar na minha vida.

Você é um Picasso intacto na parede da minha vida. Baguncei, faxinei e mudei quase tudo do lugar, menos o Picasso que é você.

À procura do teu beijo, conheci outros amores mas nenhum me despertou tanto desejo.

À procura do teu abraço, conheci tantos aconchegos mas nenhum soube abraçar como você.

Eu não sou distraía. Eu não sou desleixada. Eu não sou desinteressada!

Eu sou a mulher que te ama e te respeita. Que te valoriza e te quer na vida. Eu sou a mulher que te representa.

E sabe por que você ainda importa pra mim?

Simples! Porque eu ainda te amo!

Juzefa Cuna

VEJA TAMBÉM:

O dia que eu te disse “TE AMO”

Compartilhe esse post:
Hospedagem de Sites e Blogs

Deixe seu comentário: