36 hábitos negativos que estão destruindo muitos relacionamentos | Me Apaixonei

36 hábitos negativos que estão destruindo muitos relacionamentos

219
0
Compartilhe:
Compartilhe esse post:

O relacionamento muitas vezes é confuso, porque nós, como pessoas, somos complicados. Muitas vezes, nos culpamos demais quando percebemos nossos erros e isso acaba afetando ainda mais na saúde de nosso relacionamento.

Sua relação continua a colidir de maneira estranha e semelhante? Muito provavelmente um dos seguintes hábitos listados abaixo é sua culpa!

Continue lendo e veja os 36 hábitos negativos que estão destruindo muitos relacionamentos:

1. Recusar-se a compartilhar sentimentos difíceis com o seu parceiro.

2. Não aceitar os sentimentos do seu parceiro.

3. Esperar que seu parceiro faça alguma coisa que só você poderia fazer por si mesmo(a).

4. Usar o amor como desculpa para comportamentos inaceitáveis — tais como ciúme, controle excessivo, dependência mútua e abuso (físico e emocional).

VEJA TAMBÉM: 7 HÁBITOS TÓXICOS DE PARCEIROS EMOCIONALMENTE ABUSIVOS

5. Tomar decisões importantes, fazer compras ou aceitar compromissos sem antes conversar com seu parceiro.

6. Recusar-se a ir a uma aula, participar de um curso ou projeto que vocês já tinham combinado antes.

7. Negligenciar os hobbies que já foram importantes para você e que fizeram você se sentir completo(a) — e/ou esperar que seu parceiro faça o mesmo.

8. Negligenciar suas valiosas amizades em favor de passar mais tempo com seu parceiro — e/ou esperar que ele(a) faça o mesmo.

9. Vício em comida, álcool, drogas, compras, pornografia — ou qualquer coisa que tire sua atenção da vida real.

10. Manter segredos que comprometam o nível de confiança em seu relacionamento.

11. Irritar repetidamente seu parceiro sobre um único problema.

12. Ignorar seu parceiro só porque ele(a) fez algo que te irritou.

13. Exigir que seu parceiro tenha os mesmos interesses, opiniões políticas e pensamentos espirituais que você.

14. Usar o humor para evitar a resolução saudável de conflitos.

15. Negligenciar a responsabilidade por sua própria parte em um conflito, preferindo se concentrar exclusivamente nos erros de seus parceiros.

16. Não se desculpar quando você sabe que fez algo errado.

17. Ter comportamentos degradantes, como sarcasmo ou provocações.

18. Prestar mais atenção no celular do que no seu parceiro.

VEJA TAMBÉM: PHUBBING: NÃO DESGRUDAR DO CELULAR PODERÁ ACABAR COM SEU RELACIONAMENTO!

19. Abandonar o contato físico com seu parceiro ou se recusar a dar carinho e abraços.

20. Mentir para o seu parceiro sobre onde você está, com quem está ou por que está lá.

21. Recusar-se a permitir que seu parceiro faça certas atividades, vá a determinados lugares ou veja alguns amigos devido às suas próprias inseguranças.

22. Projetar os defeitos de seu ex-parceiro, seus pais ou até você mesmo(a) em seu parceiro.

23. Invadir a privacidade de seu parceiro mexendo em seu celular, fuçando em seu apartamento ou invadindo seu computador.

24. Olhando para o outro lado e recusando-se a resolver o problema quando seu parceiro faz algo que dói emocionalmente.

25. Se comportar como se você fosse o filho do seu parceiro.

26. Tentar controlar a quantidade de tempo que seu parceiro gasta com amigos ou familiares que são importantes para ele(a).

27. Recusar-se a respeitar a necessidade do seu parceiro de passar um tempo sozinho(a).

28. Negligenciar as preocupações financeiras de seu parceiro e levá-lo(a) a gastar de uma maneira que não seja consistente com seu orçamento.

29. Não levar em conta suas ações quando você ferir seu parceiro emocionalmente ou espiritualmente.

30. Recusar-se a deixar seu parceiro esquecer um erro do passado.

31. Recusar-se a tomar medidas para corrigir seus próprios erros.

32. Esperar que seu parceiro construa sua vida em torno de seus planos, em vez de levar em conta os planos dele(a) também.

33. Esconder algo importante do seu parceiro, seja bom ou ruim.

34. Esperar continuar levando uma vida de solteiro mesmo estando num relacionamento sério.

35. Se recusar a ser vulnerável com o seu parceiro.

36. Sentir-se feliz apenas com os bons momentos do relacionamento, e se esquecer de trabalhar nas dificuldades que todos relacionamento traz.

Você se identificou com algum comportamento dessa lista? Se sim, saiba que você não está sozinho(a).

Muitos de nós somos culpados por vários desses comportamentos. Não se castigue. Em vez disso, tire proveito de sua autoconsciência.

Trabalhe para ser um parceiro melhor a cada dia em seu relacionamento.

VEJA TAMBÉM:

5 perguntas que ajudarão a melhorar imediatamente seu casamento

Compartilhe esse post:
Hospedagem de Sites e Blogs

Deixe seu comentário: