Poderia ter sido amor | Me Apaixonei

Poderia ter sido amor

427
0
Compartilhe:
Compartilhe esse post:

O chá esfria enquanto eu encaro o Word em branco. Os sentimentos me perseguem enquanto mais uma vez tento me reencontrar. Será mesmo que é amor quando me sinto confusa?

Começo te escrever só para me analisar. Me recomeço só para evitar julgamentos, mas a minha vontade é de estar na cama coberta ouvindo o barulho leve da chuva, mas eu saio de casa, sorrio por aí porque estar em algum “manual de coração partido” que assim é mais confortável passar por essa período. Eu de verdade não sei te dizer o que acho melhor, eu sou uma dessas misturas, eu quero sumir por um tempo, mas também quero me mostrar para o mundo, são dias diferentes um do outro, minutos duplicados e sensações ainda mais desconhecidas para mim e meu coração.

Passei uma tarde inteira tentando separar as lembranças boas dos planos futuros, são duas coisas que parecem à mesma coisa porque tem a sensação boa que mexe com o coração, mas quando tudo acaba, futuro e passado se encontram para conversar e são longos os dias. Músicas, datas comemorativas, livros e passeios tudo me tira o sono, não sei ao certo se é porque queria viver tudo que tínhamos planejado ou se tenho raiva das lembranças que restaram e quase todas as vezes que fecho os olhos para dormir as lembranças vêm como filme.

De verdade, não sei quando dar o próximo passo. Não sei se já dei esse tal passo. Eu estou desestruturada, talvez perdida esperando te encontrar na próxima esquina para me dar um abraço confortável. É uma grande bagunça que nunca achei que fosse acontecer comigo, porque quando se escuta relatos sobre término de relacionamento é comum achar que é drama ou exagero de ego, mas agora que estou passando eu percebo que não, a dor é estranhamente intensa, é como tirar uma peça de uma estrutura que estava bem alta, e tudo vem a baixo e você fica olhando tudo cair com a vassoura na mão querendo limpar logo tudo, porque não quer ficar assim por muito tempo.

Mas sabe, esse tempo me ensinou que tudo precisa de fato ser sentido, mesmo que queira sarar logo, é preciso sentir o amargo dos remédios para entender o processo de cura.

Eu sei que parece drama de quem nunca tinha passado por algo parecido, mas eu te garanto que sou sincera com meus sentimentos e nessas palavras, mesmo que você não acredite em mim agora, eu sei que mais tarde quando estiver confuso também vai me entender.

Desculpa, estou aprendendo a lidar com amor falhado.

Iara Kimi

Compartilhe esse post:
Hospedagem de Sites e Blogs

Deixe seu comentário: