Morar junto: Um manual completo sobre TUDO que você precisa saber sobre o assunto! | Me Apaixonei

Morar junto: Um manual completo sobre TUDO que você precisa saber sobre o assunto!

123
0
Compartilhe:

Morar junto é um passo muito importante dentro de um relacionamento. A decisão deve ser bem pensada e o casal deve conversar e colocar na balança os prós e os contras, principalmente a finanças.

Fizemos esse post para que você veja se está mesmo na hora de morar junto ou se devem esperar mais um pouquinho.

A hora certa

O que mais impacta na decisão é o dinheiro, e infelizmente o que determina mesmo a hora certa de ir morar junto é ele. Vocês podem ser um casal super conectado, se amam imensamente mas se não houver dinheiro será difícil manter um lar.

É como dizem: “amor não enche barriga…”

O custos e padrões de morar junto dependerão bastante do estilo de vida que vocês levam agora. Quem hoje divide a mesma casa com os pais vai notar que haverá um aumento considerável nas despesas. Em contrapartida, aqueles que já moram sozinhos terão uma economia no orçamento individual pois a partir de agora as contas serão divididas.

E esse ponto é muitíssimo importante: antes de juntar os trapos, decidam juntos quais contas cada um ficará responsável por pagar. É um assunto que nem todo mundo dá importância, mas que deve ser discutido para evitar brigas no relacionamento!

Prós e contras de morar junto

Você deve estar careca de escutar: na vida tudo há um lado bom e um ruim, assim como também acontece quando o assunto é morar junto. Mesmo que vocês já estejam juntos já muito tempo e o amor entre vocês cresce a cada dia mais, essa decisão deve ser pensada porque irá impactar positiva ou negativamente no relacionamento de vocês.

Alguns homens acabam caindo na zona de conforto quando começam a morar junto pois pensam que já estão casados. O argumento que eles jogam na mesa é que “pra quê casar se a gente já está dividindo o mesmo teto?”.

Veja mais alguns contras que podem impactar na mudança:

  1. Vocês não conseguem se entender: Espere mais um pouquinho para ir morar junto com o seu amor se vocês ainda continuam brigando por qualquer coisa.
  2. A responsabilidade sempre fica mais pra um do que para os dois: Manter um lar exige dedicação e comprometimento e se isso não ficar muito bem acertado vocês terão problemas no relacionamento.
  3. Vocês ainda possuem muitas manias: As manias bobas que os dois possuem no dia a dia podem gerar uma briga, como por exemplo, ele adora ficar assistindo série até tarde antes de dormir e ela gosta de dormir com a TV ligada. Se for um dia ou outro isso não te incomodará, mas passar por isso todos os dias é uma chatice e tanto.
  4. Seu hábitos são muito diferentes: Os hábitos divergentes podem acabar com um relacionamento aos poucos. Um exemplo muito prático disso é: Deixar a tampa da privada levantada após usar, a calcinha pendurada no box do chuveiro…

Chega de só apontar o lado negativo de morar junto, vamos falar do lado positivo também. Bora?

  1. A conversa entre vocês é muito boa e ao morar juntos vocês poderão colocar em práticas mais e mais assuntos e com isso se conhecerão cada dia mais.
  2. O gastos serão ainda menores para aqueles que já tinham uma vida sozinhos.
  3. A relação amorosa de vocês se tornará ainda mais intensa.
  4. A cumplicidade e a amizade aumentará.
  5. A frequência sexual aumentará.

Gostou desse post? Compartilhe com seu amor e deixe sua opinião nos comentários abaixo 🙂

Veja também:

9 características de seu namorado que revelam se ele será ou não um bom marido

Hospedagem de Sites e Blogs

Deixe seu comentário: