Do que és pra mim e sobre o que sou contigo | Me Apaixonei

Do que és pra mim e sobre o que sou contigo

1500
0
Compartilhe:
Compartilhe esse post:

Eu já fugi de muita coisa, já evitei muita gente com a ideia de manter minha liberdade, mas você me mostrou que da pra ser livre a dois, que certas concessões valem a pena e, muito mais do que antes, agora sim eu me sinto livre.

Antes eu podia ir a festas despreocupada, hoje eu não me preocupo em ir em festas porque você me diverte bem mais do que flertar com gente estranha, me da espaço pra dançar e cantar sem me achar esquisita, ou achando e me adorando mesmo assim!

Hoje eu não preciso parecer esquisita sozinha, eu me enquadro, me encaixo, me pareço e acrescento à vida de alguém; sem grandes esforços pra fazer parte dessas rodinhas e pra socializações só pra ter quem me escute, sem precisar ouvir ninguém que eu não queira. Antes eu não precisava dar satisfações sobre nada, hoje eu tenho quem se importe, quem queira saber, mas que não cobra. Antes eu não tinha que lidar com ciumes, hoje também não. Fiz um amigo novo, com toda a confiança que as amizades carregam, com toda cumplicidade, com toda a paciência e  identificação, com todo afeto, compreensão, liberdade de ser sincero, disposição, afinidade, com o carinho pela família do outro, com as brincadeiras e também com discordâncias, pacote completo, incluindo inclusive o desejo de que seja duradouro… Mas ganhei mais do que um amigo.

E agora eu sei a falta que faz, chegar o fim do dia sem entrelaçar os dedos nas mãos de ninguém; Agora eu sei que sai muito mais barato e vale muito mais a pena ficar em casa ganhando um colo no fim de semana.

Com  você eu aprendi que eu caibo melhor no sofá sozinha, mas dividi-lo é mais gostoso. E eu posso usufruir ao máximo da minha preferencia por tênis e calçados baixos, já que nunca fui muito fã de salto-alto mesmo e com eles agora faço com que tu é quem tenha que ficar na pontinha dos pés. Com você eu percebi de verdade que abraços aquecem sim, que verde definitivamente é minha cor preferida e que o tom verde-do-teu-olho é o mais bonito de todos, percebi que realmente o que faz diferença é a companhia e eu nem preciso mais ser tão inimiga da cozinha, porque contigo até cozinhar é bom.

Foi nos detalhes que foste me ganhando, nas mensagens de bom dia, nas surpresas no trabalho, naquele sorriso que abriu quando me viu chegando, ao se dispor a me conquistar, na paciência que teve em esperar que eu aprendesse a enxergar em você quem e como você era. Quando se mostrou gentil com as pessoas no trânsito, quando se mostrou honesto com as pessoas na vida, quando se mostrou arrependido pelos erros que cometeu e que feriram alguém, quando se mostrou disposto a aprender, melhorar, mudar, crescer, ceder e quando disseste que tudo isso era por mim, nas vezes em que admitiste tuas fraquezas e medos, quando te vi chorar sem jeito, acuado, transparente…

Me apaixonei foi pelas cocegas que sente pelo corpo inteiro, pelo som gostoso da tua risada, pelo teu sorriso tortinho; Me apaixonei quando ligou minha imagem a uma musica e deixou que eu soubesse disso, quando me escreveu um cartão e ao me telefonar só para ouvir minha voz. Quando me ajudou com meus planos e os incentivou, quando quis fugir comigo e por não ter desistido de mim; Me apaixonei quando tive conhecimento da tua coragem e iniciativa ao me tirar pra dançar mesmo sem saber, quando adormeceste no meu colo, ao deixar a barba crescer, quando ficou me fazendo companhia pelo whatsapp e me fazendo rir nas conversas por vídeo.

Agora me faz companhia na vida, e cada dia eu me apaixono mais.

Sou apaixonada pela sensação de paz que me faz carregar, apaixonada pelo fato de que minha vida se acomoda diante da tua. Fica confortável, sabe?

Eu sou tão eu contigo. E sou tão sua. ”

Jéssica Mattos

Compartilhe esse post:
Hospedagem de Sites e Blogs

Deixe seu comentário: