Maturidade emocional: aprenda a gostar de quem gosta de você! | Me Apaixonei

Maturidade emocional: aprenda a gostar de quem gosta de você!

2542
0
Compartilhe:

maturidade-emocional-aprenda-a-gostar-de-quem-gosta-de-voce

Semana passada, durante uma daquelas conversas gostosas sobre a vida, uma colega perguntou como eu comecei a escrever sobre relacionamentos. Fiquei intrigada com a pergunta, parei para pensar e percebi que isso foi um processo tão natural que nem eu me lembrava exatamente como aconteceu.

Tentei buscar essa lembrança na mente e percebi que ler e escrever sempre foram hábitos tão essenciais para o meu amadurecimento que muito provavelmente eu tenha começado a escrever sobre amor para organizar minhas próprias dúvidas, questionamentos e crises, ler meus dilemas e aprender a me relacionar melhor.

Depois disso, confesso que tirei uma noite para reler meus escritos desde o rascunho de um bilhete para o namoradinho do segundo colegial e percebi o quanto é bom registrar nossos próprios aprendizados e epifanias e observar como espectadores a evolução da nossa maneira de amar e se relacionar.

Percebi, relendo a mim mesma, que o grande marco que trouxe um bom bocado de sossego e maturidade ao meu coração de menina apaixonada foi aprender a gostar das pessoas que realmente merecem meu afeto e me dão motivos de verdade para dedicar meus pensamentos e sentimentos a elas. O que eu aprendi relendo a mim mesma foi que a maturidade emocional acontece quando você aprende a gostar das pessoas que também gostam de você. As pessoas que lhe dão motivos para se dedicar. As pessoas que não deixam dúvidas. Aquelas que são mais fáceis de amar.

Digo isso porque durante muito tempo eu procurei motivos para gostar de pessoas que nem eram tão legais comigo mas me encantavam pelo sorriso bonitinho ou pela covinha fincada na bochecha. Por bastante tempo eu me deixei levar por pessoas que claramente não se importavam comigo mas por algum motivo inexplicável me encantavam a ponto de fazer com que eu dedicasse a elas o meu precioso tempo.

Hoje, relendo a mim mesma, eu percebo que a grande graça das relações mora na reciprocidade. Hoje eu sei que quando alguém gosta da gente não deixa dúvidas. Hoje eu sei que merece amor quem é fácil de amar. Hoje eu sei que amadurecer também tem a ver com aprender a gostar de quem gosta de você. Quem também sabe amar.

Fonte: eoh.com.br

Deixe seu comentário: