Leia isso se hoje você se encontra perdido e com o coração em pedaços | Me Apaixonei

Leia isso se hoje você se encontra perdido e com o coração em pedaços

783
0
Compartilhe:

Gostaria de dizer que a escuridão é algo que você encontrará apenas uma vez em sua vida. Desejo que, onde quer que vá, você só encontre alegria. Desejo que o sofrimento não permaneça em sua alma por muito tempo. Desejo o melhor para esse seu coraçãozinho adorável mas, no momento, solitário. Mas a verdade é que a vida nem sempre é amável para todos nós. Encontramos pessoas cruéis às vezes. Encontramos seres humanos tóxicos e nos apaixonamos por eles.

Esse texto é para você que se encontra perdido nesse exato momento. Isso é para você e seu coração errante que está procurando desesperadamente a luz no final do túnel. Isso é para tudo o que parece que está segurando você como uma âncora e puxando você até o fundo do mar.

Você pode sobreviver e resistir a qualquer coisa!

Como eu sei disso? Porque apesar de tudo o que já aconteceu com você, aqui está você hoje. Você conquistou cada um desses momentos de perda absoluta. Os dias que passaram vagando no abismo foram recompensados antes e eles serão recompensados novamente.

Como eu sei disso? Porque eu tive vários períodos em que pensei genuinamente que os fantasmas das minhas tragédias iriam me estrangular e me derrubar. Onde minhas próprias mãos não poderiam afastá-los. Onde eu estava tão perdido que a vida parecia um deserto estéril à minha frente, mas aqui estou eu. Ainda estou vivo. E eu sobrevivi. Então você também vai!

Como eu sei disso? Porque a vida nos dá conflitos e dores para nos ajudar a sermos pessoas melhores. Ela mostra o caminho através da própria escuridão, dando-nos vislumbres de luz. Permita-se enxergar o ser humano que você é por dentro, que é feito de ouro, que pode sobreviver a qualquer coisa, que os monstros temem.

Ah! E conte com Deus. Ele irá orientar o seu caminho até o final do túnel. Você só precisa confiar nEle. Você só precisa confiar sua jornada em Suas mãos.

thoughtcatalog.com

Deixe seu comentário: